Revista Merkado » DECOR
sexta 19 de junho de 2015, por: Equipe Merkado

O High-end do Som Analógico e do Som Digital

Desde a invenção dos primeiros aparelhos de reprodução do som – o fonógrafo de Thomas Alva Edison (1877) e o gramofone de Emile Berliner (1877) -, passando pelos discos de 78 rotações por minuto e pelos discos de vinil mono (1948) e estéreo (1958), a qualidade de áudio dessas fontes chamadas de analógicas teve um avanço incrível.
Esse mesmo progresso vem acontecendo no áudio digital. A partir do lançamento em 1982/1983 dos primeiros discos CD e de seus reprodutores até o surgimento dos downloads de músicas de alta resolução (HRA), o som digital vem sendo aperfeiçoado significativamente. Antes considerado pelos chamados audiófilos como inferior ao dos discos de vinil, o som do áudio digital é hoje plenamente aceito por esse público, a ponto do assunto áudio analógico x áudio digital ser objeto de intensos debates nesse meio.
Esses debates poderão até cessar com o lançamento, ainda neste ano, dos primeiros downloads de músicas gravadas através do uso de uma nova tecnologia chamada MQA (Master Quality Authenticated) criada por Bob Stuart, um dos fundadores da Meridian Audio e uma das maiores autoridades mundiais em áudio digital. Segundo ele, essa nova tecnologia permitirá acesso ao som da forma como ele foi originalmente captado pelos microfones nos estúdios. Para obter todos os benefícios dessa nova tecnologia, os ouvintes precisarão de um equipamento compatível. Porém, na ausência desse equipamento, as gravações ou streamings com MQA serão ouvidas com som melhor do que o de um CD.

Nenhuma edição encontrada.
Nenhuma edição encontrada.